segunda-feira, setembro 17, 2001

Teatro como Ator

  • Teatro Infantil de Pascoal Lourenço - "O fazedor de alegrias" e "Chuva de Sorrisos"
    "O Planeta dos Palhaços" - São Paulo - 1969 e 1970;
  • Na peça "Macbeth" de Shakespeare, direção de Fauzi Arap, no Teatro Maison de France - Rio de Janeiro de 1970;
  • Na peça "A Resistí­vel Ascensão de Arturo Úi" de Bertold Brecht, direção de Augusto Boal, no Teatro de Arena de São Paulo - São Paulo - 1970;
  • Na peça "Castro Alves pede passagem" de G. Guarnieri, direção de Gianfrancesco Guarnieri,  no Teatro Ruth Escobar - São Paulo - 1971;
  • Na peça "Hair" - remontagem de Altair Lima, no Teatro Aquarius - São Paulo - 1972;
  • Na peça "Síndica, qual é a tua" de Luis C. Góes, direção de Amir Haddad Teatro Ruth Escobar - São Paulo - 1972;
  • Na peça "Somma ou Os Melhores Anos de Nossas Vidas" - Coletânea de textos, direção de Amir Haddad - Teatro João Caetano - Rio de Janeiro - 1974;
  • No projeto de Pesquisa da Linguagem Teatral "Calma que o Brasil é nosso", sob a orientação de Amir Haddad e com o Grupo de Niterói, em cima do texto de Carlos Cavaco (1936) "Morrer pela Pátria" - Rio de Janeiro - 1975 a 1980;
  • Na peça "Papo Furado" de Chico Anizio, direção de Antônio Pedro - Teatro Ginástico - Rio de Janeiro - 1980;
  • Na peça "Adeus ao Drama" de J. Ligiero, direção do autor - Teatro Cacilda Becker - Rio de Janeiro - 1981;
  • Na peça "Volpone" de B. Johnson, direção de T. Vasconcelos - Teatro do Parque Lage - Rio de Janeiro - 1982;